Fiat X1/9 1500 - 86

 30 Set, 21:55

17 500 €

Fiat X1/9 1500 - 86

30 Set, 21:55

17 500 €

  • SedanTipo de veículo
  • 1986Ano do modelo
  • 60 000 - 69 999 Quilómetros
  • ManualTipo de caixa
  • GasolinaCombustível
  • FiatFabricante
  • X1/9Modelo
  • Amarelo Cor
  • 1500 Cilindrada (cm³)
  • 85 Potência (cv)
  • VendaTipo
  • MatosinhosConcelho
  • Matosinhos e Leça da PalmeiraFreguesia
  • 30219717Id do anúncio

X1/9 produzido pela casa Bertone, design de Marcello Gandini, conceitos técnicos de Gian Paolo Dallara e Paolo Stanzani, que com o projecto do Miura permitiram à Bertone construir o Stratos e o X1/9, com muitas semelhanças entre si,
Montado pela FIAT de 1972 a 1982 e posteriormente pela casa Bertone de 1982 a 1989, começou por utilizar o pequeno motor Lampredi SOHC de 1300cc derivado do Fiat 128 com algumas evoluções. Entre elas o cárter e cabeça em alumínio, duplo carburador Weber 32 e compressão 8.9:1, permitindo atingir 75cv que aliado a uma caixa de 4 velocidades possibilitava alcançar uns bons 170Km/h.
A elevada rigidez do chassis monocoque produzido na Bertone, com suspensão totalmente independente e discos às 4 rodas, muito semelhante ao do Stratos, permitia suportar potências muito mais elevadas, como demostrado pelo Icsunonove da Dallara de 192cv e pelo X1/9 Abarth de 1970 com 200cv.
Posteriormente, para colmatar a pouca potência da versão de estrada, o motor passou para 1500cc com 85cv aliado a uma caixa de 5 velocidades, completamente montado na Bertone e utilizando símbolos Bertone (modelo em questão). Com esta configuração o carro revela-se bastante rápido e rola bem em auto-estrada sem pedir demasiada rotação ao motor.
Estes X1/9, para além de pequenos detalhes, conhecem-se bem pelos pára-choques longos que foram introduzidos pelas exigências do mercado americano, uniformizando-se a produção para os restantes mercados. Os Bertone sofreram algumas melhorias no tratamento da chapa, melhorando os problemas de corrosão, foram alterados os fundos para aumentar o espaço para as pernas e rebaixados os bancos para permitir condutores de maior estatura, daí a sua superior cotação e procura nos mercados internacionais.
Ensaio completo a este exemplar na revista Topos & Clássicos de Janeiro de 2020
Eventual troca por clássico do meu interesse (ex. Jaguar XJ6 4.2 Mk1)


Nuno Almeida

Anunciante desde Jan. 2013
Matosinhos